Breaking

Saúde | Alimentação | Coma Bem, Viva Melhor.

  Assim como os tijolos formam uma casa, os alimentos formam o corpo e são eles responsáveis pela reposição necessária para a manutenção diária do nosso organismo para que o corpo funcione bem. Desde cedo somos condicionados á ideia de que comer bem é comer muito, valorizando assim a quantidade e não a qualidade dos alimentos ingeridos. Referente á saúde humana, os excessos são pecados gravíssimos cujos resultados são o surgimento de disfunções e má funcionamento que podem evoluir para doenças. É preciso sabermos que no corpo os excessos não são bem vindos e que eles provocam sérios prejuízos á nossa saúde, assim é preciso combatê-los procurando manter a alimentação equilibrada e rica em elementos essenciais ao nosso organismo.

  Todo alimento é benéfico ao corpo, desde que sejam respeitadas as proporções adequadas a ele. Três situações são distintas em nosso hábito alimentar e que se referem ás quantidades; 1 - Os alimentos ingeridos em quantidade adequada são aproveitados e trazem benefícios á saúde. 2 - Os alimentos ingeridos acima da quantidade necessária ao organismo são eliminados.  3 - Os alimentos ingeridos em excesso são acumulados no organismo e provocam desconfortos e mau-estar, podendo evoluir para doenças graves. Mesmo aqueles alimentos que são conhecidos pelos benefícios que fazem ao organismo devem ser consumidos respeitando-se a proporção indicada ao bom funcionamento do corpo e vale lembrar que o mesmo alimento que pode lhe fazer bem, também pode lhe fazer mal, assim é preciso ter cautela e observar as quantidades que ingerimos afim de evitar prejuízos á saúde.

  Vimos sobre as quantidades, mas não é só elas que podem nos trazer consequências. A frequência alimentar também é importante. O hábito de alimentar-se diversas vezes por dia, em situações que superam as três refeições indicadas como necessárias, caso esta alimentação não estejam em quantidades adequadas, podem resultar em malefícios. Foi convencionado pela OMS - Organização Mundial de Saúde, que o indivíduo adulto necessita de aproximadamente 2.500 calorias diárias em sua alimentação. Isto seria o adequado. Uma quantidade menor mantida por um período mais longo poderia afetar a saúde deste indivíduo, assim como também uma quantidade maior e que seja prolongada pode causar distúrbios a ele.

  Por padrão, os hábitos regulares de alimentação são a refeição matinal, o almoço e a ceia noturna, mas nada impede que hajam pequenas reposições entre estes períodos, desde que não ultrapassem as quantidades calóricas e caso não seja possível evitar este excesso, que ele não seja mantido por longos períodos, tornando assim um hábito. Logicamente cada País, de acordo com a região e seus hábitos, os indivíduos fazem suas refeições de forma diferente, muitas vezes em horários e frequência diferentes. Também varia o cardápio destas refeições de acordo com uma série de fatores como tradições e cultos alimentares, tipo de alimentos disponíveis, enfim cada País tem sua própria cultura alimentar tradicional.

  Apesar desta adversidade na oferta de alimentos, das tradições e hábitos alimentares diferentes, os corpos funcionam da mesma forma e precisam dos mesmos cuidados. Em algumas regiões brasileiras não há distinção entre as refeições, todas tem igual valor calórico, ou seja, juntas elas ultrapassam em muito as calorias recomendadas e o excesso vai acumulando-se ao longo da vida até que os efeitos sejam notados quando o indivíduo está em idade avançada. Para orienta-se sobre uma alimentação saudável e segura, que traga benefícios aos seu organismo, procure ajuda profissional de um nutricionista. Ele irá orientar sobre o tipo de alimentação adequada para você. Com certeza este passo mudará sua vida para melhor.


   

Texto do Escritor e Autor Tony Casanova. Todos os Direitos Reservados e garantidos pelas Leis Nacionais e Internacionais de Proteção aos Direitos de Propriedade Intelectual. Proibida a cópia, colagem, reprodução ou divulgação de qualquer natureza, do todo ou parte dele, independente dos meios ou fins. A violação destes Direitos constitui-se crime e está passiva das punições legais cabíveis. 


Saiba mais do autor NESTE LINK
...............................................................................................................................

     Health | Food | Eat well, Live Better.


  Just as bricks form a house, food forms the body and they are responsible for the replenishment necessary for the daily maintenance of our body for the body to function well. From an early age we are conditioned to the idea that eating well is eating a lot, thus valuing the quantity and not the quality of the food ingested. Regarding human health, excesses are very serious sins whose results are the appearance of dysfunctions and malfunctions that can evolve into diseases. It is necessary to know that in the body the excesses are not welcome and that they cause serious damages to our health, so it is necessary to fight them in order to maintain the balanced diet and rich in essential elements to our organism.

  All food is beneficial to the body, provided that the proportions appropriate to it are respected. Three situations are distinct in our eating habits and they refer to quantities; 1 - The foods ingested in adequate quantity are harnessed and bring health benefits. 2 - Food ingested above the amount needed by the body is eliminated. 3 - Foods ingested in excess accumulate in the body and cause discomfort and malaise, and can develop into serious diseases. Even those foods that are known for the benefits they make to the body should be consumed respecting the proportion indicated for the proper functioning of the body and it is worth remembering that the same food that can do you good, can also harm you, so be careful And observe the quantities we ingest in order to avoid harm to health.

  We have seen about the quantities, but not only they can bring us consequences. Food frequency is also important. The habit of eating several times a day, in situations that exceed the three meals indicated as necessary, if this food is not in adequate quantities, can result in harm. It was agreed by the WHO - World Health Organization, that the adult individual needs approximately 2,500 calories per day in their diet. This would be appropriate. A smaller amount maintained for a longer period could affect the health of this individual, as well as a larger amount and that is prolonged can cause disturbances to him.

  By default, regular eating habits are morning meal, lunch, and evening supper, but nothing prevents small replacements between these periods, provided they do not exceed the caloric amounts, and if it is not possible to avoid this excess, that it does not Maintained for long periods, thus becoming a habit. Logically each country, according to the region and its habits, individuals eat their meals differently, often at different times and frequencies. It also varies the menu of these meals according to a series of factors such as traditions and food cults, type of food available, in short each country has its own traditional food culture.

  Despite this adversity in the supply of food, traditions and different eating habits, bodies function in the same way and need the same care. In some Brazilian regions there is no distinction between meals, all have equal caloric value, that is, together they far exceed the recommended calories and the excess accumulates throughout life until the effects are noticed when the individual is in advanced age. For guidance on safe and healthy food that brings benefits to your body, seek professional help from a nutritionist. It will guide you on the type of food that is right for you. Surely this step will change your life for the better.

   

Writer Text and Author Tony Casanova. All Rights Reserved and guaranteed by the National and International Laws for the Protection of Intellectual Property Rights. No part of it may be copied, collated, reproduced or disseminated, regardless of its means or purpose. The violation of these Rights constitutes a crime and is passive of the applicable legal punishments.


Learn more about the author IN THIS LINK
.................................................. .................................................. ...........................

   La salud | alimentos | Comer bien, vivir mejor.

  Como los ladrillos forman un hogar, alimentos forman el cuerpo y son responsables de la sustitución necesaria para el mantenimiento diario de nuestro cuerpo para que el cuerpo funcione bien. Dado que estamos condicionados a principios de la idea de que comer bien es comer mucho, y así aumentar la cantidad y no la calidad de los alimentos ingeridos. Relacionados con la salud humana, los excesos son pecados más graves cuyos resultados son la aparición de la disfunción y la mala salud que pueden convertirse en enfermedades. Debemos saber que los excesos del cuerpo no son bienvenidos y que causan graves daños a nuestra salud, por lo que debemos luchar contra ellos tratando de mantener una dieta equilibrada, rica en elementos esenciales para nuestro cuerpo.

  Toda la comida es beneficioso para el organismo, siempre que las proporciones adecuadas para que se respeten. Tres situaciones son distintas en nuestros hábitos alimenticios y se refieren cantidades as; 1 - Los alimentos consumidos en cantidades adecuadas se utilizan y aportar beneficios para la salud. 2 - La cantidad por encima de la ingesta de alimentos que necesita el cuerpo se eliminan. 3 - Los alimentos consumidos en exceso se acumula en el cuerpo y causar incomodidad y malestar general, y puede convertirse en enfermedades graves. Incluso aquellos alimentos que son conocidos por los beneficios que hacen que el cuerpo debe ser consumido respetando la proporción indican el correcto funcionamiento del organismo y vale la pena recordar que la misma comida que te puede hacer bien, puede hacer daño, por lo que necesita ser cauteloso y tenga en cuenta las cantidades que consume con el fin de evitar daños a la salud.

  Vimos en cantidades, pero no sólo ellos los que podemos traer las consecuencias. La velocidad de alimentación es también importante. El hábito de comer varias veces al día en situaciones que excedan de tres comidas indicadas como sea necesario, si este poder no se encuentra en cantidades adecuadas, puede resultar en un daño. Se acordó por la OMS - Organización Mundial de la Salud, el individuo adulto necesita alrededor de 2.500 calorías al día en sus alimentos. Esto podría ser adecuado. Una cantidad menor mantenido durante un período más largo podría afectar a la salud del individuo, así como la cantidad de aumento y prolongada puede ser perturbarlo.

  Por defecto, los hábitos alimenticios regulares son previene almuerzo, comida y cena, pero no es nada que tienen pequeñas sustituciones entre estos períodos, siempre que no se superen las cantidades calóricas y si no se puede evitar este exceso, no lo hace se mantiene durante largos periodos de tiempo, por lo que es un hábito. Por supuesto cada país, de acuerdo con la región y sus hábitos, la gente come sus comidas de manera diferente, a menudo en diferentes tiempos y frecuencia. También varía el menú de estas comidas de acuerdo a una serie de factores tales como las tradiciones y los servicios de alimentación, tipo de alimento disponible, en fin cada país tiene su propia cultura alimentaria tradicional.

  A pesar de esta adversidad en el suministro de alimentos, las diferentes tradiciones y hábitos alimenticios, sus cuerpos funcionan de la misma y necesitan el mismo cuidado. En algunas regiones de Brasil no hay distinción entre las comidas, todos tienen el mismo valor calórico, es decir, juntos van mucho más allá de las calorías recomendadas y el exceso se acumulan durante toda la vida hasta que los efectos se notan cuando el individuo se encuentra en edad. Para guías sobre alimentos sanos y seguros, lo que trae beneficios a su cuerpo, buscar ayuda profesional de un nutricionista. Se le aconsejará sobre el tipo de alimentación adecuada para usted. Sin duda, este paso va a cambiar su vida para mejor.

   

Escritor de texto y el autor, Tony Casanova. Todos los derechos reservados y garantizados por leyes nacionales y Protección Internacional de los Derechos de Propiedad Intelectual. La copia, el collage, reproducción o divulgación de cualquier tipo, de todos o parte de ella, independientemente de los medios o extremos. La violación de estos derechos constituye un delito y es pasiva de las sanciones legales aplicables.


Más información este autor ENLACE



Seguidores do Google

Matéria de Hoje

Crônica | O Trava-Línguas da Burocracia.| Inutilidades.

  E Deus criou o homem e o homem inventou a escrita e a partir dai começaram as complicações. Acredito eu piamente que a primeira inven...

Outras Páginas do Autor

Quem sou eu

Minha foto

Tony Casanova, brasileiro, natural de Salvador-BA, escreve desde 1976 e é fundador e administrador do Projeto Roda Cultural, instituição virtual de apoio ás Artes e Artistas em geral. Autor dos E-books "Panorama da Artes", "No Litoral das Relações" , "Relações Instáveis", "O Amor Fala Francês", "O amor segundo a Bíblia", este último inspirado em uma matéria sua publicada no blog Mesa Farta e que teve mais de 10.000 leitores. O escritor Tony Casanova escreve em vários estilos, tendo herdado suas técnicas a partir de leituras feitas a partir de grandes vultos da literatura brasileira, entre os quais estão Castro Alves, Rui Barbosa, Cora Coralina, Érico Veríssimo, Carlos Drummond de Andrade e outros. Gosta do estilo lírico e tem forte inclinação a esta técnica. O autor tem várias publicações em suas páginas da internet. Entre os gêneros literários que escreve estão a Crônica, Poesia, Poema, Ficção e Romance.